Postagens

Mostrando postagens de Fevereiro, 2021

Uma Questão de Tempo

Imagem
        Ao longo da vida é normal que se tenha objetivos e metas a serem alcançadas. Concluir os estudos, arranjar um trabalho, ter condições de ajudar a família, casar, ter filhos, dar uma boa educação para que os filhos se transformem em homens e mulheres honestos e cheios de dignidade e valores, mudar de carreira, de emprego, de casa, melhorar os relacionamentos, ser mais eficiente, enfim. São tantos os objetivos, alguns se concretizam outros não, uns são esperados que se realizem dentro de um determinado tempo, um tempo relativamente curto, já outros são para longo prazo, bem longo mesmo, a ponto de nem sequer se esperar vê-los realizados. Mas para que ter um objetivo que não se pode ver realizado? Como se dedicar a realização de algo que não será desfrutado? Diante de indagações como essas, me recordo de duas coisas, a primeira é o que costumo chamar de “o tempo budista”, mas o que será que isto quer dizer, deve se perguntar. Ora, os budistas acreditam no renascimento, ou

Feliz Apesar de Tudo

Imagem
  Hoje em dia se vive por muito mais tempo do que se vivia no passado. Isto é ótimo, claro, mas nem sempre uma longa vida significa uma vida livre de problemas. Às vezes, a idade avançada traz também algumas dificuldades tais como a senilidade, a dificuldade de locomoção, uma doença, uma dificuldade de adaptação às novas tecnologias, o que gera uma dependência de outros para resolver problemas do cotidiano, uma maior vulnerabilidade à violência urbana devido à decadência e fragilidade física que também é própria da terceira idade, e por aí vai. Ocorre que essas dificuldades podem causar um sofrimento duplo, tanto para o idoso ou aquele que passa a ser dependente, quanto para a família ou aquele que tem a obrigação de cuidar de quem precisa. Antigamente a noção de família, bem como das responsabilidades que se tinha para com os mais velhos, pais, avós, eram muito mais claras e apesar de experimentarem uma certa tristeza diante dos problemas que o tempo ou mesmo a vida pode traze

Troque a Angústia Pela Contemplação

Imagem
     Hoje em dia é muito comum ver pessoas num estado de angústia imenso. Também pudera, com tanta incerteza e com uma sensação de impotência cada vez maior não poderia ser diferente.      Ou poderia? Será que não há alternativas para quem se sente assim? Embora as circunstâncias corroborem para esse sentimento, será mesmo que não existe nenhuma outra opção?      Apesar de toda a dificuldade e de todo o incômodo que o presente momento pode gerar, é sim possível diminuir o estado de angústia se mudar o foco da sua atenção para algo que lhe traga uma maior calma e equilíbrio para que possa discernir sobre o que lhe cabe fazer e o que lhe cabe aceitar.      A angústia surge pela falta de previsibilidade e de controle que muitas vezes experimentamos ao longo de nossas vidas. Toda vez que uma mudança se anuncia e não sabemos bem qual será nosso destino diante de tal fato novo, pronto, já pode ser motivo de angústia e desespero. Pode, mas não deve.      Esse estado tão incômodo que se retroa

Aceite o Desafio

Imagem
          Praticamente todos desejam modificar algum aspecto de suas vidas. E nem sempre essas mudanças desejadas se referem à carreira, profissão ou alguma atividade produtiva. Ocorre que, algumas vezes, as pessoas desejam apenas melhorar relacionamentos, ter uma visão de mundo um pouco mais otimista ou simplesmente ter um pensamento mais harmonioso que lhes causem menos transtornos e mais felicidade. Mas independente do que seja o desejo de cada um, o que quer que queira ver transformado e realizado em sua vida, qualquer que seja sua meta ou objetivo, tudo começa com o primeiro passo, ou seja, tudo depende de aceitar o desafio e se lançar em direção à realização e sucesso.           Eu gostaria de levantar essa questão aqui, sobre qual seria, na sua opinião, o primeiro passo a ser dado? Já parou para pensar a respeito? Saberia me responder?           Certamente não existe uma resposta padronizada, porque as ações necessárias dependerão de cada um e de suas circunstâncias. Porém há al