O Dever de Ser Feliz


        Seria a felicidade uma obrigação? Mas como, se as circunstâncias da vida não dependem de nós e, muitas vezes, nos sentimos tristes diante de certos acontecimentos dos quais não temos o menor controle?
        Ora, para discutirmos este assunto, precisamos primeiramente entender o que significa dever, que é sim uma obrigação, mas, neste caso, com um valor moral com sentido de agradecimento ou devoção e se formos relacionar tal significado de dever com felicidade, chegamos à conclusão de que faz todo o sentido.
        Isso mesmo, porque felicidade não é algo que se possua ou que se possa perseguir como um objetivo a ser alcançado e ela se dá em nossas vidas, em nosso ser, justamente pela interação que temos com o outro e pelo reconhecimento de que tudo está conectado e que esse outro é um ser exatamente como nós, que deseja, que sente medo, que se equivoca, que sofre, que é capaz de atitudes nobres, assim como nós, e que é através das nossas ações, uma vez que estas contribuem para o bem maior, ou seja, para algo que está além de nós, que envolve o bem-estar de outras pessoas, que experimentamos o estado de felicidade.
        Pensando sob essa ótica e compreendendo que devemos ser gratos pelo que os outros fazem por nós, e que é nesse ambiente de gratidão e retribuição que se pode ser feliz, então até as obrigações que temos para com os outros serão motivos para que experimentemos a felicidade.
        O que se entende como um direito implica a obrigação, ou seja, o dever de outrem para com alguém, assim, se temos um dever para com alguém é sinal de que algo foi feito ou dado a nós, então devemos retribuir de bom grado, então sim, nesse sentido, temos o dever de ser felizes.
        Agora para ver o quanto isso tudo é real, comece a agir com gratidão e boa vontade no seu trabalho, na sua vida em família, na sua vida social e mudando a sua atitude, desfrute de todas as transformações que acontecerão na sua vida.
        Toda vez que for reclamar de algo que é de sua responsabilidade, que é seu dever, mude imediatamente sua maneira de pensar e encarar tal situação para uma atitude de gratidão. Sim, agradeça! Seja grato pela oportunidade de retribuir, de atuar como um agente, de proporcionar algo para o próximo e com boa vontade fazer a diferença em sua vida.
        Fica a dica, agradecer para ser feliz, porque felicidade é aqui e agora.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Livre-se Das Aparências

Mudando o Foco

O Poder Da Renúncia