Livre-se Das Aparências


  Nos dias de hoje, nesse mundo de aparências onde as pessoas estão mais preocupadas em parecer do que em ser, falar em livrar-se das aparências parece uma missão impossível.
Porém, se encarar o desafio, verá que lhe sobrará muito mais tempo para dedicar-se ao seu próprio aprimoramento, o que significa buscar conhecimento, melhorar suas habilidades, desenvolver autoconhecimento para que possa amadurecer e encarar a vida e as dificuldades que venham a surgir, ou seja, se estiver disposto a ser, será. Simples assim.
Ser, no dicionário, significa possuir identidade, particularidade ou capacidade inerente. E já de saída nos perdemos no sentido da coisa, pois nos reduzimos a ideia de ser algo particular, ou seja, nos identificamos com o ideal que criamos em nossas mentes e que se, por acaso, não se realiza é como se nos perdêssemos, é como se nós mesmos não existíssemos, não fossemos ninguém.
Porém, descobrimos que, quando colocamos nosso foco no verdadeiro sentido de ser, enquanto um possuidor da capacidade inerente de interagir, de realizar, de pensar, de criar, de existir, de se permitir estar em construção no sentido sim de um ideal de eu, mas com a consciência de que esse ideal só poderá ser realizado ao longo do tempo ou ainda que não se consiga alcançá-lo, mais importante é praticar essa capacidade inerente do ser.
Como?
Sendo!
E ser não é parecer. Parecer é o caminho mais fácil, o caminho dos hipócritas, dos falsos, dos fracos.
Ser é para os fortes!
Ser o que é, encarar seus defeitos, seus maus hábitos, seus desejos inúteis e, mesmo assim, seguir em frente e fazer o máximo para se aproximar daquilo que considera ser ideal, desenvolvendo dia a dia as virtudes, o que é um trabalho árduo num mundo em que há uma completa inversão de valores, não é para os fracos.
Ser aquele que tem a capacidade de pensar e se esmera em pensar por si, com coerência, com atenção, com cuidado e consideração, não se deixando levar pelos outros ou pelo grupinho do qual faz parte, não é para os fracos.
Ser aquele que tem consciência de suas emoções, muitas vezes, da pior espécie e se dispor a lutar contra o seu principal inimigo, que é si mesmo, não é para os fracos.
Ser aquele que não desiste nunca, pois de outro modo não seria nada, e que enfrenta as adversidades e que não tem medo do fracasso, porque está ciente de que mesmo não sendo bem sucedido ele é, quando não se nega a agir, não é para os fracos.
Ser é não brigar com o mundo, é não brigar com a vida, é não brigar consigo, acabando por limitar-se a uma única possibilidade ou ideia.
Ser é para os fortes! E são essas as pessoas que tornam o mundo melhor e cheio de oportunidades.
Fica a dica, seja forte e livre-se das aparências para ser feliz, porque felicidade é aqui e agora.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Mudando o Foco

O Poder Da Renúncia