Querer é Poder?

        Quem me conhece sabe que eu adoro os ditados populares, pois eles carregam grandes verdades. Porém, quanto a este especificamente, é preciso antes saber o que é querer, o que é poder e o que faz com que eles se combinem e resultem em algo positivo.
        Querer, desejar faz parte da natureza humana, de certo modo é o desejo que nos empurra a sair do lugar, mas entre sair do lugar e chegar lá tem uma grande diferença e saber que diferença é essa implica em conhecer. Ou seja, é preciso destrinchar o sentido de cada coisa.
        E como fazer isso?
        Indague-se, pergunte-se a si mesmo, observe, afinal, quem somos  se revela através de nossas ações nesse mundo.
        Comece perguntando o que quer de verdade? Será que deseja algo que está em harmonia com quem você é e com o seu papel nesse mundo? Como se vê nesse mundo? Qual o seu ideal ou propósito, o desejo que o faz seguir e que lhe dá a percepção de que de fato há algo maior para além de si próprio, mesmo que não tenha consciência disso? Que tipo de pessoa sua história diz que é?
        Haverá, muitas vezes, uma tensão entre a sua autoimagem, o seu ideal, o que quer e a realidade, mas lembre-se da impermanência das coisas, que é um dos fundamentos da filosofia budista, ou seja, nada é para sempre nem imutável. E isto significa que não estamos estáticos, logo tudo pode mudar.
        Podemos conhecer mais e mais a nós mesmos, a realidade, podemos refletir sobre nossas ações e através da consciência, usando a inteligência, fazer ajustes e modificar as coisas e até a própria realidade. A única coisa que não devemos fazer nunca é negar a realidade dos fatos. Se fizermos isso, estamos condenados.
        Já, quanto ao poder, se encararmos poder como meios de ação, ora, se sabe o que quer, se conhece todo o cenário e sabe o que precisa ser feito, saberá se tem ou não os meios para isto.
        Tem poder quem tem os meios de ação!
        Mas e se não tiver os meios de ação, isto pode mudar?
        É claro que sim! Comece com um passo de cada vez, mude o que precisa ser mudado, tenha humildade, faça o que precisa ser feito, dando o melhor de si e nunca se perca do seu ideal e que ele seja bom e nobre, até porque, em última instância é isso o que nos torna pessoas felizes e realizadas e, por tudo isso, pessoas de sucesso.
        Querer é sim poder quando conhecemos, quando sabemos o que queremos e temos consciência dos nossos meios de ação. Afinal, ser uma pessoa realizada significa dizer que esta pessoa agiu para que seu propósito fosse alcançado. Ser uma pessoa realizada significa que ela extraiu a verdade da expressão “querer é poder”.
        Fica a dica, queira, conheça e tenha o poder de ser feliz, porque felicidade é aqui e agora.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Autoconhecimento Vs. Autoimagem

Um Choque de Realidade

Seja Otimista