Pare De Dar Desculpas

        O motivo que faz com que alguém não realize, ou seja, não ponha em prática as metas e objetivos que estipulam para as suas vidas, se deve muito mais às desculpas que encontram para justificar a inércia do que de fato aos contratempos e impedimentos que a vida impõe algumas vezes.
        O medo de não ser capaz, a acomodação ao seu modo de vida, que impede que um esforço seja feito na direção do objetivo, o apego a sua autoimagem, que impede a pessoa de correr o risco de fracassar e assim se ver como inferior àquela imagem que tinha na cabeça.  Todo esse cenário colabora para que a pessoa encontre as mais variadas desculpas para não realizar, como, por exemplo, eu não tenho tempo, agora não é o momento certo, melhor esperar até que as condições sejam apropriadas, preciso buscar uma melhor formação, preciso me preparar. 
É claro que pode ser que aconteça de em algum momento a pessoa chegar à conclusão de que é sim preciso buscar uma melhor formação ou que o melhor é aguardar até que as condições sejam um pouco mais favoráveis, mas nesse caso estamos falando daquele que já está realizando, ou seja, não se trata de uma desculpa para não fazer, mas de uma avaliação necessária no processo, o que é bem diferente.
Hoje em dia é muito comum ver pessoas que, em busca de formação para aquilo que dizem querer realizar no futuro próximo, se inscrevem em cursos e mais cursos, se dedicando a atividades que parecem nunca ter fim, e em geral essas pessoas nunca se sentem capazes de fazer o que quer que seja e nem percebem que essa disposição incessante de irem atrás de como fazer é apenas uma boa desculpa para não fazerem nada. 
Ao se observar com atenção, fica fácil perceber que todos têm oportunidades na vida, uns mais outros menos, mas todos acabam tendo uma chance em algum momento de realizar algo, ainda que seja algo pouco significativo, o que também não pode ser desculpa para não realizar.
Porém, se, desde o início, a compreensão de que é infrutífero comparar a vida de uma pessoa com a outra estiver presente, isto será algo muito positivo, pois evitará o estresse, uma possível angústia, uma vez que a pessoa estará centrada na sua própria realidade, focando naquilo que ela realmente pode fazer em vez de se distrair e se iludir com uma conquista que, talvez, esteja fora de alcance, devido as condições de cada um serem muito diferentes.
Acontece que é bastante comum que as pessoas se comparem o tempo todo, um mau hábito que traz muita infelicidade. E embora seja natural que se tenha alguém como ideal, como exemplo daquilo que se pode alcançar, esse ideal tem de estar relacionado de alguma forma a sua própria vida.
Uma ótima maneira de superar qualquer mau hábito é desenvolver um bom hábito, até que este venha a substituir o que não presta, assim, se em vez de se comparar com o outro, o vizinho, o parente, o amigo, o colega de trabalho, passar a se comparar consigo mesmo, buscando se superar a cada dia, se dedicando a realizar qualquer tarefa com atenção para que possa aprimorar o seu método, obtendo assim mais eficiência, isto é o que,  sem dúvida, trará felicidade e em consequência o sucesso.
Fica a dica, pare de dar desculpas para ser feliz, porque felicidade é aqui e agora.



       

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Contentar-se vs. Acomodar-se

Não Aja Como Uma Pessoa Oca